Prêmio Oceanus reconhece ações de desenvolvimento e sustentabilidade da pesca e maricultura

Compartilhar

Entregue durante a abertura da ExpoMAR, no dia 29 de junho, o Prêmio Oceanus reconheceu empresas e instituições que promovem a sustentabilidade e o desenvolvimento da pesca e da maricultura.

O Prêmio Oceanus é uma iniciativa da ExpoMAR, que ouve especialistas do setor para reconhecer iniciativas de empresas e instituições que atuam na pesca e na maricultura. A ExpoMAR se propõe a ser o principal fórum de discussão de estratégias para o desenvolvimento da pesca e da maricultura sustentável. "Diante disso, achamos por bem reconhecer empresas e instituições que, com seu trabalho, contribuem para a sustentabilidade destes setores ", afirma a organizadora da ExpoMAR, Eliana Panty.

Realizada nos dias 29 e 30 de junho, em Itajaí - SC, a ExpoMAR reuniu as principais lideranças dos setores da pesca e da maricultura, pescadores artesanais, armadores, maricultores, indústrias de processamento de pescados, pesquisadores, estudantes e fornecedores da cadeia de suprimentos. "A ExpoMAR abriu espaço para que todos compartilhassem sua expertise e tecnologias, unidos por uma pesca e maricultura competitiva e sustentável, visando cumprir a crescente demanda por alimentos saudáveis no Brasil e no mundo", completou Panty.

Oceanus

O prêmio, que reconheceu ações inovadoras e sustentáveis na pesca e na maricultura, teve seu nome inspirado na mitologia grega. Oceanus é o filho primogênito de Urano (céu) e Gaia (terra), portanto, o mais velho dos titãs. Para os gregos, Oceanus era o deus das águas correntes, do fluxo e do refluxo e a origem de todas as massas líquidas e fontes de água doce do mundo.

Categorias e premiados

Categoria Inovação na indústria - Empresa Gomes da Costa;

A Gomes da Costa foi premiada pela inovação de sua linha de filés de atum em embalagens de vidro, novidade que posiciona o produto no segmento premium. A ação da Gomes da Costa favorece o setor pois, além de agregar valor ao produto, também eleva a percepção do consumidor com relação à proteína.

Categoria Ensino e Pesquisa na área da pesca - Univali;

A Univali (Universidade do Vale do Itajaí) foi escolhida para receber o Prêmio Oceanus na categoria Ensino e Pesquisa na área da pesca por seu Projeto de Monitoramento da Atividade Pesqueira de Santa Catarina - PMAP-SC, vinculado à Escola Politécnica da Universidade do Vale do Itajaí (Univali). A Univali apresentou um relatório sobre a pesca marinha e costeira de Santa Catarina. O documento resulta da coleta de dados, realizada ao longo de três anos, em todo o Litoral do Estado. O resultado também foi compartilhado durante a ExpoMAR, em Itajaí (SC)

Categoria Ensino e Pesquisa na Maricultura - UFSC;

A UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) recebeu o Prêmio Oceanus na Categoria Ensino e Pesquisa na Maricultura por ser a criadora do primeiro curso de aquicultura do país. Além disso, a atuação da universidade federal tem sido determinante no desenvolvimento de tecnologias para a produção de ostras, mariscos, mexilhões e peixes marinhos.

Categoria Gestão da Pesca - Fórum da Pesca do Complexo Lagunar Sul;

O Prêmio Oceanus na Categoria Gestão da Pesca foi concedido ao Complexo Lagunar Sul pelo trabalho do Fórum na elaboração participativa do diagnóstico e proposição de novas regras para o reordenamento da pesca no complexo lagunar sul. O Complexo Lagunar Sul Catarinense está localizado ao Sul do estado de Santa Catarina.

Categoria Inovação na Maricultura - Freguesia Oyster Bar;

O trabalho com certificação de ostras pela empresa familiar foi um dos principais motivos que levou a Freguesia Oyster Bar a receber o Prêmio Oceanus na Categoria Inovação na Maricultura. As ostras da Freguesia Oyster Bar e Restaurante vêm de fazenda marinha com todo o processo de produção certificado. Além de valorizar a produção local, a certificação traz segurança aos consumidores e aos próprios empresários, além de estimular a melhoria na qualidade do produto.

Categoria Sustentabilidade na Indústria - Camil Alimentos

A Camil Alimentos recebeu o Prêmio Oceanus na categoria Sustentabilidade na Indústria por buscar uma matriz energética totalmente limpa. A empresa investiu em uma nova usina de geração de energia térmica (vapor) e elétrica a partir da palha do arroz (biomassa), em unidade, localizada em Itaqui RS. Em paralelo, a nova subsidiária, a Camil Energia Renovável, comercializa o excedente de energia e cuidará de futuros projetos sustentáveis da empresa.

Categoria Inovação na Pesca Industrial - Cordeiro Pescados.

A Cordeiro Pescado recebeu o Prêmio Oceanus na categoria Pesca Industrial por possuir uma embarcação com todas as certificações exigidas para exportação. Trata-se do primeiro barco-fábrica construído totalmente no Brasil. Hoje o único do país que trabalha na captura do camarão-carabineiro em águas profundas. A embarcação tem todas as certificações de indústrias, manipula o pescado a bordo e traz para terra o produto já embalado e pronto para a exportação, uma revolução na frota industrial.

O Prêmio Oceanus será editado anualmente durante a ExpoMAR para reconhecer iniciativas voltadas para a pesca e maricultura.

Com mais de dois mil participantes, a primeira edição da ExpoMAR - Pesca, Maricultura e Logística, foi um sucesso acima da expectativa dos organizadores. O evento será realizado novamente em 2024, em Itajaí, em data a ser divulgada posteriormente.

Sobre a ExpoMAR

A ExpoMAR – pesca, maricultura e logística, foi promovida pelo IFC Brasil - International Fish Congress & Fish Expo Brasil com a correalização da Fundep (Fundação Universidade Empresa de Tecnologia e Ciências), SINDIPI, (Sindicato dos Armadores e das Indústrias da Pesca de Itajaí e Região) e Univali (Universidade do Vale do Itajaí). O Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), o Senar SC (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) e o BRDE (Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul) patrocinaram o evento. A ExpoMAR recebeu o apoio de instituições como o Ministério da Pesca, Governo do Estado de Santa Catarina, Prefeitura de Itajaí, FAO (Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura), Abipesca (Associação Brasileira da Indústria de Pesca), Conepe (Conselho Nacional de Estudos Pesqueiros), Fepesc (Federação dos Pescadores de Santa Catarina), Rumar (Instituto Rumo ao Mar), Instituto Federal de Santa Catarina, UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina).

REALIZAÇÃO

IFC

CORREALIZAÇÃO

SINDIPI Univali FUNDEP Município de Itajaí

PATROCÍNIO

Banco do Brasil
BRDE
Caixa
Faes Senar
Fiesc
Gomes da Costa
Secretaria Executiva Aquicultura e Pesca de Santa Catarina
Ministério de Pesca
Município de Itajaí
SEBRAE

APOIO

Abipesca
Associação Catarinense de Aquicultura
CONEPE
EPAGRI
Instituto Federal de Santa Catarina
PEIXEBR
Universidade Federal de Santa Catarina

EXPOSITORES

100% metais
Coqueiro
Cresol
Deyu
Electra
Equipesca
GL máquinas e equipamentos
Indústria Naval Catarinense
LXZ equipamentos para pesca
Grupo Marquinho
Mazzaferro
Onixtec
Prime Volvo
Rádio naval
Reintjes
Trevisan
Trutteria
Viamare